BANANA VERDE: CARACTERÍSTICAS E USO NA PREVENÇÃO DA DISBIOSE

A Disbiose Intestinal é uma disfunção do Intestino da região do cólon devido à alteração da flora intestinal.

Esta alteração é causada por danos que afetam a integridade da mucosa intestinal, levando a um desequilíbrio entre as bactérias benfeitoras e as bactérias agressoras do intestino. A presença destas bactérias é essencial para: o metabolismo, a proteção contra agentes patogênicos e a funcionalidade do sistema imune local.

A Disbiose Intestinal aparece quando o número de bactérias causadoras de doenças torna-se elevado em relação ao número de bactérias protetoras. A Disbiose pode originar flatulência, alteração do ritmo normal do intestino, desconforto abdominal, inchaço e distensão abdominal, sobrepeso, desnutrição e o surgimento de doenças mais graves.

A Disbiose Intestinal é uma disfunção do intestino na região do cólon devido à alteração da flora intestinal.

IMPORTÂNCIA DA BIOMASSA DA BANANA VERDE NA PREVENÇÃO DA DISBIOSE

A Polpa da Banana Verde é um alimento funcional rico em fibras solúveis e amido resistente, vitaminas, minerais e antioxidantes. Um dos benefícios desse amido é a promoção da saúde da microbiota intestinal essencial para uma função intestinal saudável.

A polpa de banana verde promove a saúde da microbiota intestinal, essencial para uma função intestinal saudável.

O amido resistente tem beneficio similar ao da fibra alimentar, pois não é digerido e absorvido no intestino delgado, sendo fermentado somente no intestino grosso, onde favorece ação simbiótica (proliferação de bactérias benéficas para o intestino), além de manter a integridade da mucosa intestinal responsável pela absorção adequada dos nutrientes e pela barreira da entrada de substâncias maléficas.

Um dos benefícios do amido resistente (presente na banana verde) é a prevenção de células cancerígenas

O amido resistente não pode ser digerido pelas enzimas gastrintestinais humanas. Ao atingir o cólon o amido resistente:

  1. Previne a obstipação (“prisão de ventre”), garantindo uma microbiota saudável;
  2. Inibe a formação de células cancerígenas;
  3. Atua como um Prebiótico (alimento para “bactérias benéficas”) e Probióticos (micro-organismos “do bem”);
  4. Promove saciedade, reduzindo o consumo de alimentos, contribuindo para o emagrecimento;
  5. Melhora o funcionamento do intestino, reduz a reabsorção de toxinas, que estão ligadas ao acúmulo de gordura corporal.
  6. Atua no controle dos níveis de glicose sanguíneas e nas dislipidemias.
  7. Melhora a imunidade.

A biomassa de banana verde pode ser usada para diversas receitas, doces ou salgadas: pães, bolos, mousse, vitaminas, sopas etc…

BIOMASSA DE BANANA VERDE

INGREDIENTES

  • 4 bananas verdes de qualquer qualidade

MODO DE PREPARO

  1. Corte a banana verde do cacho com a ajuda de uma faca ou tesoura.
  2. Lave as bananas e leve para a panela de pressão com água suficiente para cobrí-las. Tampe a panela, leve à pressão e quando atingir a pressão, abaixe o fogo e deixe ferver por 10 minutos.
  3. Desligue o fogo e espere a pressão sair naturalmente.
  4. Abra a panela de pressão com cuidado, retire as bananas e abra a banana com a ajuda de uma faca.
  5. Retire a polpa, leve ainda bem quente no liquidificador e bata com o mínimo de água até virar uma pasta bem cremosa.

Prazo de validade: na geladeira pode ser consumida em 3 dias e no congelador em 3 meses.

INFORMAÇÕES NUTRICIONAIS

(porção de 100g (1/2 copo)

  • Fibra alimentar: 3,22g
  • Amido resistente: 4,31g
  • Ferro (mg): 1,2
  • Magnésio (mg): 19,6
  • Manganês (mg): 0,47
  • Potássio (mg): 236

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s